Em visita a Escola SESI Santa Rita de Cássia, na manhã desta quarta-feira, 29/05, o Prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes, anunciou que sancionou o Projeto de Lei N.º 4.864/2024 “Classificação Auditiva”, criado pela equipe de Robótica Toy Steel.

“Eu acompanhei a campanha dos alunos e achei a iniciativa fantástica. É um projeto inovador e que será de muita valia para as pessoas autistas ou com deficiência auditiva. Sou grato à Escola Sesi e a todos os estudantes por colaborarem com o poder público, propondo uma lei tão importante”, destacou o Prefeito.

Com a iniciativa, Ipatinga se torna o primeiro munícipio a sancionar uma lei criada pelos alunos do SESI. “A partir de agora todos os espaços culturais do município terão que cumprir essa lei que beneficiará, principalmente as pessoas com o Transtorno do Espectro Autista”, reforçou Nunes.

O Projeto de Lei de autoria do Vereador Avelino Cruz, visa proteger as pessoas contra os efeitos da exposição sonora e consiste na medição do som em diferentes espaços culturais, gerando a classificação auditiva e promovendo oportunidades de experimentar a arte, a partir do tempo de uso mediante o efeito sonoro, como em shows, teatros e cinemas, para torná-los mais inclusivos para pessoas com autismo ou que tenha sensibilidade auditiva.

“Nossa gratidão a todos que apoiaram a equipe de robótica. Aos professores, familiares, parceiros, patrocinadores e a comunidade de Ipatinga. A todos os vereadores que aprovaram na Câmara de forma unânime e ao prefeito Gustavo que sancionou nosso Projeto. Agradecemos também a organização da First Lego League por nos ensinar a importância do trabalho em equipe e inovação”, pontuou Willian Sabino, Assistente de Tecnologias Educacionais do SESI.

Para o Assistente, a conquista é coletiva. “Juntos continuaremos rumo a novas conquistas. Lembrando que o Projeto segue tramitando no Congresso Nacional com apoio da Deputada Rosângela Reis. Quanto a aprovação municipal, a equipe Toy Steel vai promover a lei no município de forma educativa e torcer para que cada local colha frutos de novos clientes por meio dessa legislação”, disse.

De acordo com Laura Menezes, aluna do 9º Ano, hoje foi um dia histórico para a equipe Toy Steel. “Estamos muito felizes com essa conquista. Nos dedicamos a esse projeto e estávamos ansiosos por esse anúncio do prefeito. É um grande avanço para a equipe a criação de uma lei”, afirmou.

Emocionada, a Gerente da Escola SESI, Cleia Chamon, parabenizou os profissionais da instituição pela dedicação, os alunos, pelo empenho e os familiares, pelo apoio. “É uma alegria imensurável ter um projeto, criado pelos nossos alunos, sendo transformado em lei. Um projeto de cunho social e inclusivo que beneficiará tantas pessoas. Esse time já está deixando rastros de um bonito legado, impactando a sociedade. Um orgulho para todos nós, educadores do SESI”, declarou.

Representando o Presidente da FIEMG Regional Vale do Aço, o Vice-Presidente Administrativo do Sindivest, Delegado Efetivo junto ao Conselho de Representantes da FIEMG  e Coordenador da Agenda de Convergência, Luciano Araújo elogiou os alunos e as lideranças políticas por apoiarem um Projeto inovador que tornará os espaços culturais mais acolhedores.

“A Educação transforma vidas e hoje pudemos comprovar o quanto esses alunos de robótica podem contribuir para uma sociedade mais justa e igualitária”, concluiu.

#robotica #roboticasesi #inclusão #projetodelei #escolasesi #acessibilidadeauditiva #inclusão #autismo # sesimg #classificacaoauditiva #inovação